Saiba mais
Idioma
Menu
Menu
Idioma

Inovação na moagem de ração animal aumenta rendimento dos produtores

O padrão de consumo dos tutores de pets vem mudando com o tempo. As rações premium e super premium, por exemplo, tem conquistado a preferência de muitos deles. Tais mudanças no mercado pet afeta os produtores de rações, já que as com alto valor nutricional demandam quase o dobro de tempo de processo e, consequentemente, a elevação do custo total da produção.

Visando aumentar a eficiência produtiva e energética de moagem de ração animal, a Moinhos Vieira desenvolveu peneiras de furo cônico com tratamento térmico, que tem grande diferença de desempenho comparada às peneiras de furo paralelo. Elas têm maior durabilidade e não afetam a granulometria padrão já adotada pelos produtores.
Um estudo realizado na unidade fabril de um dos clientes da Moinhos Vieira apontou que a utilização das peneiras de furação cônica aumentou o rendimento de moagem, em média, em 23% quando comparado com a utilização das peneiras convencionais.

Moagem mais eficiente

A unidade fabril analisada no estudo das peneiras possuía uma linha de produtos completa e produzida sob um processo de moagem de última tecnologia. Foi avaliado o desempenho produtivo de todas as formulações da empresa. Quinze itens foram classificados em três níveis proteicos: standard, premium e super premium.

As formulações produzidas pela empresa com as peneiras convencionais, de furo paralelo sem tratamento térmico, foram acompanhadas durante 30 dias e os resultados comparados com a produção obtida através das peneiras de furo cônico com tratamento térmico fabricada pela Moinhos Vieira.

As peneiras cônicas proporcionaram um desempenho superior onde as indústrias sentem mais dificuldade no processo de moagem. Nas formulações com alto teor de gordura animal e nível proteico (linha super premium), chegou a ser 27,5% mais eficiente.

O rendimento de moagem aumentou, em média, 23% em comparação com a utilização das peneiras convencionais e considerando a média de desempenho obtida nas 15 formulações testadas (standard, premium e super premium).
Na peneira produzida pela Moinhos Vieira, após a passagem do pré-mix pelo diâmetro de entrada da peneira, o produto não encontra mais contato com a mesma, pois o furo tem formato cônico. O diâmetro de saída é maior em ralação ao de entrada, demandando menos energia para vazão do produto e justificando a eficiência energética obtida através da moagem com este formato.

Inovação

Diante da diversidade de processos e formulações nos produtores espalhados por todo o Brasil e pela América Latina, a Moinhos Vieira continua validando com muito sucesso os efeitos que a utilização das peneiras cônicas de alto rendimento propicia aos produtores que apostam nesse desenvolvimento, transparência e inovação.

São 70 anos atuando no mercado de máquinas industriais. As peneiras desenvolvidas pela empresa já estão em uso nos processos de moagem em mais de 30 indústrias no Brasil e na América Latina. Saiba mais sobre as soluções eficazes para moagem da Moinhos Vieira pelo site www.moinhosvieira.com.br. 

Fonte: G1 Itapetininga